A defesa de todos nós

 
 
 
O renomado educador norte-americano Booker T. Washington (1856-1915) — primeiro presidente da lendária Tuskegee Normal and Industrial Institute (hoje Universidade de Tuskegee), no Alabama (EUA), que se dedicou a criar condições melhores de crescimento individual para os ex-escravos e seus descendentes e para os indígenas — escreveu:
 
— Não há defesa ou segurança para nenhum de nós a não ser na mais alta inteligência e desenvolvimento superior de todos.
 
A relevância das palavras deste que foi conselheiro de presidentes dos Estados Unidos fala por si mesma em virtude de seus incansáveis esforços e coragem. Não foi à toa que ele se tornou um dos maiores e mais influentes oradores da comunidade negra de seu país.
É evidente que, hoje, essa reflexão se aplica a toda a raça humana, o Capital de Deus, consoante seguramente desejava, na profundidade de seus anseios, o infatigável dr. Booker, cuja Alma vislumbrava um futuro em que o racismo, que considero um cancro social, não mais exista.
 
José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.