AMIGO DO PEITO

Alexandre Frota nomeia seu personal trainer para cargo na Câmara

Jornalista Jonas Jozino | 09/02/2019 09:11:07

Com mais de 21 mil seguidores no Instagram, Nunes decidiu fechar o perfil, mas já incluiu na descrição a função de assessor de Frota.

O deputado federal Alexandre Frota (PSL-SP) nomeou Jean Carlos Pereira Nunes, seu amigo e personal trainer, como secretário parlamentar em seu gabinete na Câmara. Nunes assumiu o cargo na última terça-feira (5) e terá salário mensal bruto de R$ 6.636.

O parlamentar e “Jean Personal”, como o rapaz é conhecido, são amigos de longa data. É possível encontrar nas redes sociais diversas fotos dos dois juntos não apenas em treinos, mas também em jantares e manifestações.

Com mais de 21 mil seguidores no Instagram, Nunes decidiu fechar o perfil, mas já incluiu na descrição a função de assessor de Frota.

Após a repercussão negativa que a nomeação teve, Nunes usou as redes sociais para falar sobre o caso. Em um post no Facebook, ele afirma não ver problema na escolha do nome dele para a função.

“Você queria que ele indicasse quem? Um inimigo? Saiba que aqui no gabinete ninguém conhece o interior de São Paulo como eu e serei muito útil a minha equipe nessa região junto de dezenas de prefeitos e centenas de vereadores que mantenho contato há muito tempo”.

Natural de Tupã, no interior paulista, Nunes diz ainda que no fim do ano passado tinha uma lista de indicações de vereadores da cidade com quem deve manter contato e que já recebeu a visita de representantes das cidades de Arco Íris e Lutecia, por causa da influência que diz ter nessas regiões.

Frota, ator de filmes pornográficos, surfou na onda de Jair Bolsonaro, de seu partido, e obteve 152 mil votos na eleição. Conhecido por se envolver em polêmicas, em 2015, foi acusado de fazer apologia ao estupro. Num programa de TV, relatou ter feito sexo com uma mulher desacordada.

Num vídeo, em tom descontraído, Bolsonaro chegou a sugerir Frota para ministro da Cultura em seu governo. Com a repercussão negativa da declaração, ele explicou vir a público para explicar que isso não aconteceria.