SEMANA EVANGÉLICA

Projeto que institui Semana da Cultura Evangélica segue para a última apreciação

Jornalista Jonas Jozino | 01/11/2019 06:24:38

De iniciativa do deputado Romoaldo Júnior, a data deverá ser celebrada na segunda semana do mês de setembro

 

Está apto para votação em segundo turno na Assembleia Legislativa de Mato Grosso o Projeto de Lei nº 455/2019 que visa instituir a Semana Estadual da Cultura Evangélica no Estado de Mato Grosso, a ser comemorada, anualmente, na segunda semana do mês de setembro. De autoria do deputado estadual Romoaldo Júnior (MDB), o texto foi apresentado em abril, cumpriu pauta, teve parecer favorável na Comissão de Constituição, Justiça e Redação e agora segue para a última apreciação em Plenário.

Por meio da propositura, o parlamentar defende a importância do exercício da religião e dos ensinamentos de Jesus Cristo na vida social e acerca do aprimoramento do amor ao próximo e a família.

“Com a criação da Semana Estadual da Cultura Evangélica no Estado, pretendemos difundir o evangelismo, levando a todos a boa nova da palavra de Deus, dando suporte a comunidade evangélica e cumprindo o preceito bíblico de levar o evangelho a toda criatura”, justifica Romoaldo.

Pela Lei Federal n° 12.328/2010, o Dia Nacional do Evangélico foi instituído no dia 30 de novembro e é considerado como um feriado a partir da Lei Distrital nº 963/1995.

Entretanto, a data é celebrada em dias diferentes, de acordo com a região e cidade do Brasil. Em Rondônia, por exemplo, também é feriado e a data é celebrada em 18 de junho, sendo definida pela Lei Estadual nº 1.026/2001.


Em Cuiabá, o Dia do Evangélico é celebrado em 31 de agosto e é considerado apenas ponto facultativo. Na avaliação de Romoaldo, a comunidade evangélica realiza um trabalho diferenciado a custo zero para o poder público. Diante disso, considera mais que justificável a homenagem.

“Os evangélicos representam 22% da população brasileira. Realizam um trabalho espiritual e social de fundamental importância na sociedade”, pondera.

Normalmente, o Dia do Evangélico é marcado por festas, cultos e fóruns de música gospel, além de palestras onde são discutidos assuntos referentes à religião evangélica.