DESRESPEITO

Torcedores chilenos quebram cadeiras da Arena Itaquera e atacam corintianos e PMs

Jornalista Jonas Jozino | 06/04/2017 04:37:05

Fãs da La U lotam setor de visitantes do estádio, mas arremessam assentos e causam incidente. No intervalo, brigões partiram para cima dos policiais

Torcedores da Universidad de Chile se envolveram em confusão com a Polícia Militar minutos antes e também durante o intervalo do confronto entre o clube chileno e o Corinthians, nesta quarta-feira, na arena alvinegra, em Itaquera. Dezenas de cadeiras do setor visitante do estádio foram quebradas e arremessadas em direção à torcida do Timão.

 

Cerca de 1.200 ingressos foram disponibilizados aos chilenos, que praticamente lotaram o setor destinado a eles na Arena Corinthians. Depois de um início de festa e muitas músicas, os torcedores se exaltaram e, mesmo com a presença prévia dos policiais, não hesitaram em arrancar os assentos e jogá-los.

Acuada, parte da torcida alvinegra no setor Sul da arena arremessou os pedaços de volta – alguns fragmentos chegaram à beira do campo. A Polícia Militar solicitou reforço e controlou a situação.

No intervalo, houve nova confusão. Dessa vez, os chilenos passaram a arremessar pedaços de cadeiras sobre os policias, que responderam com força, batendo em torcedores com cassetetes.

O problema no intervalo atrasou o reinício da partida em alguns minutos. A maior parte dos visitantes foi retirada do local onde estava.

Ao final da partida, após mais confrontos e banheiros e bilheterias depredados, 26 torcedores que estavam no setor visitante da Arena Corinthians foram presos.