TARADA E VIOLENTA

Babá obriga menino de 3 anos a fazer sexo oral e ao levar mordida o queima com cigarro

Jornalista Jonas Jozino | 09/10/2019 09:08:23

R, foi apreendida no final da tarde de terça-feira, no bairro Parque Del Rey, em Várzea Grande, depois de ter ligado para a mãe da criança e contado o que havia aprontado na residência. A mãe chamou a Polícia Militar, que levou a ex-babá para interrogatório.

Uma babá irresponsável, completamente debiloide e que merece passar boa temporada em um centro de reabilitação. Esta é R.A.S., de apenas 17 anos. Contratada para cuidar de um menino de 3 anos, ela queimou seu rosto, com um cigarro, após o menino morder sua genitália quando foi obrigado a fazer sexo oral nela. Não contente, ela ainda tentou roubar a casa dos patrões.

R, foi apreendida no final da tarde de terça-feira, no bairro Parque Del Rey, em Várzea Grande, depois de ter ligado para a mãe da criança e contado o que havia aprontado na residência. A mãe chamou a Polícia Militar, que levou a ex-babá para interrogatório.

A garota confirmou que havia tirado a roupa perto do menino e que o obrigou a fazer sexo oral em sua genitália. A criança acabou mordendo o local, o que levou a babá, a ascender um cigarro e queimar o rosto do menino.

Ela disse ainda, aos policiais militares que atenderam a ocorrência que havia furtado uma máquina de lavar para receber uma suposta dívida da patroa. A máquina foi encontrada na casa da mãe da ex-babá.