INTERCÂMBIO

Estudantes de Várzea Grande embarcam para intercâmbio cultural em Londres

Jornalista Jonas Jozino | 18/11/2019 09:18:07

As alunas Giovanna Emanuelly Lopes, Izabelly Pereira Domingues, Gabriela Assis e Amanda Dias Amorim, viajam acompanhadas de duas professoras

 



Quatro estudantes da Escola Estadual Jercy Jacob, em Várzea Grande, viajam nesta segunda-feira (18.11) para Londres, na Inglaterra, para um intercâmbio de seis dias. Nesse período, vão participar de atividades para aprimorar a língua inglesa. Com as estudantes Giovanna Emanuelly Lopes, Izabelly Pereira Domingues, Gabriela Assis e Amanda Dias Amorim, viajam as professoras Ninna Sanches Vicente da Costa, coordenadora do projeto, e a professora de História Elizandra Ribeiro Senábrio.

O intercâmbio faz parte do projeto “It’s Possible – é Possível”, integrante Projeto Educação Cultura e Arte (Educarte) da Secretaria de Estado de Educação (Seduc). O Educarte possibilita a escola trabalhar línguas estrangeiras.

Segundo o diretor, Marlon Christian Rosa da Silva, a escola fez um levantamento e percebeu que o aprendizado de idiomas demanda um custo expressivo, uma vez que os pais tinham que matricular os filhos num curso particular.

O sucesso do projeto foi tão grande que, como prêmio pela dedicação dos alunos, a escola conseguiu um intercâmbio cultural para que os alunos conheçam “in loco” a cultura do país de língua estrangeira. Na avaliação do diretor, mais que uma viagem de pesquisa e intercâmbio, ele acredita que esse projeto inspire as alunas para a vida.

“Que elas possam entender que a vida é mais que esse mundinho em que vivemos do dia a dia, que existe lugares maravilhosos para conhecer, um mundo disponível para cada uma delas conquistar e que a realização dos sonhos só depende exclusivamente delas”, opina.


Divulgação

A expectativa das alunas é muito grande. Amanda relata que sempre quis viajar por outros países, conhecer pessoas, novas culturas. “Nunca pensei que isso aconteceria tão cedo. É tudo surpreendente. Graças ao projeto, estamos conseguindo realizar esse sonho. Quero conhecer Londres, tudo o que tem de bom lá”, assinala.

Gabriela também está entusiasmada, pois sempre sonhou em conhecer Londres. “É difícil de acreditar que vou poder colocar em prática tudo aquilo que aprendi na sala de aula de uma escola pública. Parece surreal. Espero conhecer mais sobre os ingleses”, explica.

Isabelly, por sua vez, não tem dúvidas da quantidade de portas que vão se abrir tanto para ela como para as colegas. “Esse encontro é foco do projeto que não estaria nesse estágio sem o esforço de todos da Escola, pais e colaboradores”, comemora.

Essa é a primeira viagem internacional de Giovana e não vê a hora de desembarcar em Londres. “Estou ansiosa para ver de perto tudo aquilo que ouvi falar da cidade e tudo aquilo que estudei e vi em fotos da capital inglesa”, festeja.

No entendimento da professora Ninna, as expectativas são diversas, mas acredita que essa experiência gere bons frutos, não apenas na vida das alunas, mas também na vida daqueles que estão ao redor delas, familiares e amigos, afinal esta será uma oportunidade incrível para que horizontes sejam ampliados.

“Quando fomos buscar as parcerias dos empresários de Várzea Grande, demos um nome ao projeto, “It’s Possible”, ou seja, “É Possível”, de fato é, o caminho existe, não é igual para todos, não é fácil e exige muito de nós, compromisso, dedicação e essencialmente perseverança. Tenho certeza que muitos conceitos serão revistos ao final dessa viagem”, assegura.