BANDIDOS PRESOS

PM prende homens em moto com pistola, revolver e munições na Br-364

Redação 24 Horas News | 10/08/2018 11:29:41

Após alguns quilômetros de acompanhamento, os policiais conseguiram efetuar a abordagem na zona rural, próximo a Prainha Municipal e prender os suspeitos, que foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Judiciária Civil com apoio de viatura.

Duas pessoas foram detidas pela equipe de moto patrulhamento tático da 6º Cia PM de Sapezal, região do 7º Comando Regional, com armas e munições na BR 364, seguindo sentido o município de Campos de Julio (553 km de Cuiabá). Estavam em uma moto Broz vermelha em alta velocidade que não obedeceu à sinalização para que parassem. Trata-se de Werveson Assis da Silva, 23 anos que portava na cintura uma pistola 9mm e ainda, carregador com 18 munições e Keilly Carlos da Silva, 19 anos, com revólver 38 e 19 munições.

Após alguns quilômetros de acompanhamento, os policiais conseguiram efetuar a abordagem na zona rural, próximo a Prainha Municipal e prender os suspeitos, que foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Judiciária Civil com apoio de viatura.

Ambos trajavam três blusas cada, sendo uma diferente da outra. E na mochila havia uma bala clava preta que criminosos costumam usar em assaltos, dois chapéus camuflado e uma gandola de selva. Os materiais foram apreendidos e encaminhados juntamente com os suspeitos.

Tangará da Serra
Ainda na região do 7º Comando Regional, policiais da Base Comunitária do 19º Batalhão, prenderam dois indivíduos com porções de maconha que tentavam funcionar veículos no estacionamento de uma igreja, no bairro residencial Dona Júlia. Um deles, Valdemir dos Santos Silva, 27 anos, possui passagens por tentativa de homicídio e roubo e José Valdiano da Silva, 29, passagens por furto e embriaguês. O fato aconteceu no início da manhã de quinta-feira (09.08).

Eles foram denunciados por terceiros e encaminhados ao Centro Integrado de Segurança e Cidadania (Cisc) da cidade.


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do 24 Horas News